Vítima teve R$ 6,5 mil roubados para pagamento de festa de casamento. Suspeitos armados fugiram; polícia foi acionada, mas ninguém foi preso.

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK

Três homens armados renderam uma família de Sorocaba  (SP) na noite desta terça-feira (11) e levaram R$ 6,5 mil que seriam usados para o pagamento do buffet de um casamento. Segundo uma das vítimas, um dos criminosos estava usando uma máscara de palhaço. A Polícia Militar foi acionada, mas ninguém foi preso.Além da quantia, os homens levaram documentos, três celulares e um carro, encontrado cerca de 20 minutos depois pela polícia. Segundo a Polícia Militar, o veículo estava na rodovia Castello Branco (SP-280), próximo ao Jockey Club de Sorocaba. A  PM foi acionada pela dona do buffet que não teve os pertences roubados. As vítimas também procuraram a delegacia para registrar boletim de ocorrência.

Segundo a vítima, tia do noivo, de 31 anos, que preferiu não ter a identidade revelada, sete parentes foram ao local, no bairro Cajuru, zona industrial da cidade, para fazer a degustação de doces e levaram a quantia para fechar o negócio, já que a festa está marcada para 17 de dezembro. Ela salienta que ninguém, além da família, sabia do dinheiro, que foi presente da avó ao neto que vai casar.

Casa do caseiro fica na entrada do espaço de eventos  (Foto: Mayara Corrêa/G1)
Casa do caseiro fica na entrada do espaço de
eventos (Foto: Mayara Corrêa/G1)

A degustação foi marcada para às 20h pela dona da chácara e durou cerca de 40 minutos. Ainda de acordo com a vítima, os criminosos renderam primeiro a família do caseiro, que mora em uma residência à frente do salão de festas, e notaram que o salão estava aceso.

“Eu estava de costas para a porta. O primeiro que entrou foi o ‘palhaço’, ele estava com uma arma e perguntou o que estávamos fazendo lá. Na hora, eu corri e joguei a minha bolsa pela janela, foi aí que ele apontou a arma para mim e outro, que usava uma touca, entrou e anunciou o assalto. Foi tudo muito rápido, durou uns cinco minutos”. Ainda segundo ela, um comparsa estaria esperando o trio do lado de fora em outro carro.

Apesar de ter visto na internet notícias sobre aparecimentos misteriosos de palhaços, a vítima disse que acreditava ser apenas brincadeira. “Quando vi, achei que seria impossível, porque dizem que eles usam facões e tentam entrar nas casas, mexem com crianças. Não imaginava que podia acontecer mesmo.”

Anúncios